Skip to main content

Tag: bruxismo

Curiosidades sobre os dentes humanos

Os dentes humanos são formados por diferentes camadas, como o esmalte, a dentina e a polpa. O esmalte é a camada mais externa e resistente, que protege o dente de danos e desgaste. Já a dentina é uma camada intermediária, composta por tecido mineralizado que dá suporte ao esmalte. A polpa, por sua vez, é a camada mais interna, onde se encontram os vasos sanguíneos e nervos do dente. Além disso, os seres humanos têm dois tipos de dentes: os dentes decíduos, que são os dentes de leite, e os dentes permanentes, que são os que substituem os de leite.

Conheça a seguir mais algumas curiosidades sobre os dentes humanos.

Qual é o peso e o volume de um dente?

O peso médio varia de 0,68gr a 1,88gr e o volume médio é de 0,38 centímetros cúbicos a 0,96 centímetros cúbicos, dependendo do tipo de dente. O peso mínimo é de 0,4 g e o peso máximo 3,0g, enquanto que o volume mínimo é de 0,2 centímetros cúbicos e o volume máximo é de 2 centímetros cúbicos.

Quanto peso os dentes humanos podem suportar?

A composição mineral quase sólida dos dentes faz com que ela seja a substância mais dura do corpo humano. Em virtude disso, seus dentes podem suportar cerca de 285 kg de pressão. Seu dente já quebrou? Leia mais sobre dente quebrado e o que fazer.

Quanta pressão pode quebrar um dente?

Os dentes são formados para lidar com a pressão da mordida. Mas na verdade, um dente é capaz de resistir a uma força compressiva de cerca de 285kg.

Do que é feito um dente?

Os dentes humanos são constituídos por quatro tipos diferentes de tecido: polpa, dentina, esmalte e cemento. A polpa é a porção mais interna do dente e consiste em nervos de tecido conjuntivo e vasos sanguíneos que nutrem o dente.

Qual é a parte mais dura do corpo humano? É mais forte que o osso?

O esmalte dos dentes é a substância mais dura do corpo. O esmalte branco brilhante que cobre os dentes é ainda mais forte que o osso. Essa superfície resiliente é 96% mineral, a maior porcentagem de qualquer tecido do corpo, tornando-a durável e resistente a danos. Quando o esmalte está danificado, pode parecer descolorido e deixar os dentes afetados muito sensíveis.

Se os dentes são tão resistentes, por que eventualmente eles quebram?

Infelizmente, não é difícil que um dente quebre. Pode ocorrer durante a mastigação de alimentos duros e crocantes, como um caroço de pipoca que ou gelo, ou então na ocorrência de um acidente, como por exemplo uma queda ou colisão automobilística.

O bruxismo é outro problema que frequentemente leva a quebra de dentes. Trata-se de uma disfunção em que o portador range ou aperta os dentes com muita força e de forma involuntária, principalmente durante o sono. Alguns fatores deixam os dentes mais frágeis e suscetíveis a quebras: cáries, tratamento de canal e desidratação são alguns dos principais motivos.

Quais as implicações de um dente quebrado para a saúde bucal?

Tudo vai depender do grau da fratura. Nos casos mais sérios, ocorrem cáries, infecção bacteriana do nervo, da polpa dentária e da raiz e dores. Sem o devido tratamento, o dente certamente será perdido.

Além de complicações para a saúde bucal, há que se considerar os riscos para a saúde em geral, pois um dente quebrado pode ser um foco de infecção bacteriana. Mas não se preocupe, um dente perdido pode ser facilmente reposto com implante dentario atualmente.

É possível pode quebrar ou lascar um dente e não sentir dor?

Ao lascar um dente, um pedaço do esmalte do dente se quebra. Se a lasca for menor, é possível que a parte inervada do dente, a dentina, não fique exposta e não haver dor. Já nos casos de uma fratura maior, o esmalte quebra e deixa dentina exposta, causando dor.

Uma rachadura fina em um dente pode se curar espontaneamente?

É possível que um dente se recupere se o dano for mínimo. Por exemplo, se um dente com uma rachadura no nível externo e uma linha de fratura mínima que não causa dor, pode se reparar com o tempo. O processo de cura é conhecido como remineralização e refere-se aos minerais em nossas bocas.

Como saber se a quebra ou lasca do dente é um caso de urgência?

Embora dentes quebrados sejam um problema sério, existem dois tipos de fraturas que não são consideradas emergências: pequenas fraturas dentárias ou dentes lascados. Essas fraturas dentárias não requerem uma visita imediata a um dentista ou pronto-socorro.

Entretanto, é recomendado que busque atendimento odontológico quando possível, para avaliar melhor o dente e determinar se há necessidade de fazer uma restauração, não apenas para restabelecer o formato e a estética do dente, como também para evitar problemas futuros.

Por que algumas pessoas têm dentes amarelos?

Os dentes humanos acabam ficando amarelos à medida que envelhecemos. Ao longo do tempo, há uma tendência de o esmalte se desgastar com a mastigação e exposição aos ácidos de alimentos e bebidas. Com isso o esmalte se torna mais fino e a dentina, que é amarelada, se torna mais visível. Mas não se preocupe, há tratamento para dentes amarelados, como o clareamento dental a laser.

Há ainda outras razões, como por exemplo a ingestão de alimentos e bebidas muito pigmentadas que vão gradativamente manchando os dentes, e o hábito de fumar que mancham os dentes, e além de tonalidade amarela pode chegar em tons bem escurecidos, ou manchas cinzas, que são muito difíceis de serem retiradas por qualquer técnica de clareamento dentário. Leia mais sobre os males do fumo para a saúde bucal.

preparo_desgaste_dentes_para_lentes_ dentes humanos
imagem contendo dentes humanos naturais e inflamação gengival (sangramento)

Os molares decíduos (de leite) caem?

Os últimos conjuntos de dentes de leite são os caninos (caem entre 9 e 12 anos de idade) e os segundos molares decíduos (caem entre 10 e 12 anos de idade).

Na realidade, os primeiros dentes permanentes a erupcionarem são os incisivos centrais inferiores e os primeiros molares de ambas arcadas aos 6 anos de idade. Os primeiros molares permanentes são considerados “extras”, pois não têm correspondente decíduos, ou seja, eles não substituem dentes de leite. Observe abaixo como ocorre essa transição:

Quantos dentes temos na boca ?

o número de dentes que temos na boca depende de alguns aspectos, como saúde, idade e evolução humana. Mas o valor oficial para a boca de um adulto é de 32 dentes (16 em cima e 16 embaixo), divididos em: 8 incisivos, 4 caninos, 8 pré-molares e 12 molares.

Quando somos crianças, com a boca menor, temos apenas 20 dentes: 8 incisivos, 4 caninos e 8 molares. Com o passar do tempo, a arcada dentária vai crescendo e esses dentes de leite começam a cair, dando lugar para os dentes permanentes nascerem.

Os dentes são muito importantes para o nosso bem-estar, pois desempenham funções essenciais, como mastigação, ingestão, fala e respiração. Por isso, é fundamental cuidar bem deles e ir ao dentista com frequência.

Por que algumas pessoas só têm 28 dentes?

É esperado que uma pessoa adulta tenha 32 dentes até os 21 anos de idade. Os últimos pares de dentes a erupcionarem são os terceiros molares superiores e inferiores. Eles são popularmente chamados de dentes do siso.

Ocorre que muitas pessoas não tem espaço suficiente na arcada, e os terceiros molares ficam semi ou completamente impactados ao nível ósseo, muitas vezes só podendo ser visualizados por exames radiológicos.

Outra razão é que, devido a evolução, algumas pessoas já não desenvolvem mais o germe dentário dos terceiros molares.

Dentes são mais duros que os diamantes?

De acordo com a Escala de Dureza de Mohs, o esmalte dos dentes é classificado como 5. Isso significa que é tão duro ou mais duro que o aço. Em comparação, os diamantes, que são a substância mais forte da Terra na classificação da Mohs são classificados como 10 na escala.

Quais dentes humanos são os mais fortes?

Os caninos são os dentes os dentes mais fortes e mais longos da arcada. Temos em nossa boca quatro dentes caninos, dois superiores e dois inferiores. O formato pentagonal e pontiaguda faz com que esses dentes tenham a função de rasgar e furar os alimentos.

dentes caninos 20kb

Por que um dente quebrado se torna preto?

A tonalidade escura é um sinal de necrose pulpar, que é quando a pulpite (infecção da polpa dentária) progride e os nervos e vasos sanguíneos do dente morrem. O seu interior fica preto ou marrom pela perda de suprimento sanguíneo e nesta condição o dente perde a capacidade de sentir calor e frio.

O que é buraco no dente?

Buraco no dente é sinal de cárie. O problema surge em consequência da atividade de bactérias (streptococcus mutans) presentes na flora bucal, especialmente na placa ou biofilme. As bactérias produzem um ácido que deteriora os minerais do esmalte dentário. Os danos são permanentes, ou seja, o esmalte não tem capacidade de regeneração e pequenas aberturas ou orifícios surgem. A correta escovação, uso de fio dental, e profilaxia, limpeza a cada 6 meses são aliados importantes para prevenir o aparecimento de cáries.

Quais são as piores coisas para os dentes?

Alimentos e bebidas açucaradas somados à má higienização bucal. Os açucares alimentam as bactérias presentes na flora bucal e causar cáries.

Alimentos ácidos – refrigerantes e frutas cítricas, como limão e abacaxi, podem causar desmineralização e erosão do esmalte dentário.

Produtos ricos em farinha refinada, como pães, bolos e biscoitos, pois são mais fáceis de impregnar na superfície dentária e gerar acúmulo de placa bacteriana. Alimentos muito duros, como balas, podem quebrar um dente, principalmente quando está enfraquecido. Mas saiba que há também os alimentos que fazem bem para os dentes.

Ranger os dentes é pior do que apertar?

Embora ambos os problemas sejam bastante semelhantes, o movimento da mandíbula envolvido com o ranger é pior para os dentes, desgastando-os e tornando-os mais propensos a quebrar ou até mesmo cair. Este problema é chamado de bruxismo, e há técnicas para combater seus sintomas.

Por que eu aperto minha mandíbula inconscientemente?

Bruxismo é o termo médico para o ato inconsciente de apertar ou ranger os dentes. Pode ocorrer durante o dia, mas é mais comum durante o sono. Estresse crônico ou ansiedade podem fazer com que uma pessoa inadvertidamente ranja os dentes ou aperte a mandíbula. Certos medicamentos e distúrbios do sistema nervoso também podem causar bruxismo. Leia mais sobre o transtorno do bruxismo e tratamentos.

Em caso de dúvidas, entre em contato. Nós da Clínica odontológica ImplArt, estamos à disposição para atender voce.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Como é realizado o implante dental?

Consulte o artigo a seguir se você gostaria de saber como é feito o implante dental.

A reabilitação oral com implante dental é um tratamento que pode mudar radicalmente a vida de pessoas que sofrem pela ausência de um ou mais dentes. Com implante dentario conseguimos conquistar uma estética natural, além de proporcionar conforto e bem estar aos pacientes. Portanto, trata-se de uma moderna solução, com cada vez mais recursos, para que dessa forma o paciente volte a se alimentar e sorrir sem preocupação. Atualmente, contamos com diversos tipos de implantes dentarios, capazes de tornar o tratamento com implante mais rápido, entre eles está o implante Suíço Slactive, da Straumann.

Implante dental e seu passo a passo

Além disso, devemos citar, também, o mais moderno implante dentário, o implante ceramico, ou implante de zirconia. Há duas versões, um da empresa suíça Straumann, e outro da nacional Neodent. Por não possuírem metal em sua composição, são muito indicados para pacientes com alergia a metais. Além disso, são muito utilizados em pacientes que simplesmente não querem a presença de metais em seu organismo.

Por isso resolvemos abordar as questões mais frequentes sobre implante dentario, e as respostas sob o meu ponto de vista e experiência profissional.

Após a cirurgia de implantes dentários feita dói muito?

Normalmente não dói fazer implantes. Sentir ou não sentir dor é relativo, pois depende de alguns fatores, como a técnica aplicada, a sensibilidade individual de cada paciente, entre outros.

Porém não é raro ouvir dos pacientes, depois que vários implantes são feitos em um mesmo dia, de que considerou o pós operatório tão tranquilo que nem parecia que tinham sido submetidos à uma cirurgia.

De qualquer forma, o cirurgião que realiza a colocação dos implantes receita analgésicos para serem tomados, caso necessário.

A cirurgia de implante dental é demorada?

Portanto, a duração para colocação de cada pino pode variar entre alguns minutos a 1 hora, de acordo com a complexidade do caso.

procedimento de implante dentario, implante dental
Como é feito? Procedimento de implante dentário: O pino de implante é colocado no osso e depois receberá uma prótese aparafusada

Quanto custa o implante dentário feito?

A colocação d implante dental é certamente uma técnica capaz de transformar a vida de uma pessoa. Seja aquela que usa dentaduras há muitos anos e por diversas vezes já sofreu com uma prótese mal adaptada que machuca.

São muitas histórias que já ouvi. Então, dizer que algo é caro ou barato é relativo. Tudo depende do que você busca e de como isso vai afetar positivamente a sua vida.

Além disso, a colocação de implantes dentários demanda o conhecimento e habilidade de profissionais que dedicaram seu tempo aos estudos (e continuam se dedicando ao longo da carreira) para dominar as técnicas que envolvem, não só a colocação, mas a estabilização e manutenção dos implantes ao longo dos anos.

O rosto fica inchado e a gengiva sangra depois de fazer a cirurgia de implante dental?

Normalmente não incha o rosto fazer implantes, mas o cirurgião orienta cada paciente sobre a melhor conduta caso isso ocorra.

fazer implante dentário
Após fazer o implante dental o paciente receberá um dente. Neste caso o implante é de zircônia e não de titânio.

Os implantes dentários uma vez feitos duram pra sempre?

Estudos recentes demonstram que implantes feitos de boa qualidade, que foram bem instalados em pacientes que fazem visitas regulares ao dentista, estão em função há mais de 40 anos em ótimas condições. Saiba que atualmente há diversos tipos de implantes dentarios, inclusive um que não tem metal em sua composição, trata-se do implante ceramico, da Straumann.

A osseintegração é a fase mais importante do tratamento com implantes dentários?

Sim. A osseointegração é literalmente a cicatrização inicial do implante. Um bom cirurgião só indica os implantes dentários principalmente quando constata que o organismo do paciente tem condições de fazer a osseointegração.

Ainda assim, existem casos que ela não ocorre como o esperado e o implante não se firma, sendo expelido. Mas até para estes casos existe solução, o tratamento apenas acaba sendo mais lento.

O organismo pode rejeitar o implante dental ou ele pode sair?

O que pode ocorrer na verdade não é uma rejeição do implante dental após feito, mas uma má integração do implante com osso. Isso pode ocorrer por diferentes motivos, inclusive por infecção ao redor do implante (periimplantite), sobrecarga ou alergia. Em todos esses casos o implante pode se soltar, devendo ser retirado do osso.

Quando um implante dental cai, não existe mais solução?

Depende do que levou à queda do implante dental. Na maioria dos casos de rejeição, o implante pode ser refeito depois de um determinado período de recuperação do osso da região, o que deve ocorrer após alguns meses. Porém em alguns casos o paciente pode fazer o implante na mesma hora da remoção. Importante saber que a chance de sucesso de um implante dentário é muito alta.

Implante dentário pode causar alergia?

Implantes dentários de boa procedência raramente causam alergia. Porém, os pacientes com alergia ao níquel devem informar seu cirurgião antes de iniciar o tratamento. Atualmente também existem implantes de cerâmica pura, livre de metais.

Como fazer implantes em pessoas com pouco volume ósseo?

Sim, existem implantes de diferentes tamanhos que atendem pessoas com razoável perda óssea. Em casos mais avançados, é possível reconstruir a estrutura com enxertos ósseos dentários. Cada caso e conduta são avaliados individualmente.

Hoje em dia existem formas de fazer planejamentos computadorizados de cirurgias implantológicas que nos ajudam muito a colocar implantes em casos difíceis.

De onde vem os materiais usados para fazer enxertos ósseos?

Existem diferentes técnicas para fazer o enxerto ósseo. Veja as principais:

Todos os materiais são analisados e submetidos a esterilização a fim de impedir contaminações e rejeições.

Como fazer o enxerto ósseo dentário? É um procedimento difícil?

Não necessariamente, os enxertos ósseos existem em variedade de tamanho e técnica. Em alguns casos são feitos em poucos minutos e são pequenos, em outros casos são maiores e podem representar um desafio, que deve ser avaliado pelo implantodontista.

Como é constatado se existe volume ósseo suficiente para o implante dental ?

Através da realização de uma tomografia computadorizada. É um exame radiológico de altíssima precisão e confiabilidade para medição das dimensões ósseas.

Qualquer pessoa pode fazer implante e carga imediata?

Não. A pessoa precisa ter volume ósseo suficiente e estar em boas condições de saúde. Portanto, pacientes fumantes, diabéticos e com bruxismo, por exemplo, inicialmente não são bons candidatos para a técnica de carga imediata, sendo melhor fazer o tratamento por partes.

Quando falta só um dente no fundo da boca é necessário fazer implante?

SIM! A realidade é que, quanto mais cedo for colocado um implante no local onde houve uma extração dentária, melhor. A falta de um dente pode causar um desequilíbrio em toda a arcada. Se o dente não for substituído logo, o organismo reabsorve o osso local, e essa perda óssea e o remodelamento gengival. Por conseqüência podem tornar a colocação de implante e prótese um pouco mais complicada no futuro.

Fazer o implante dental causa mau hálito?

Tudo depende da forma como o paciente cuida da higiene oral. Alguns tipos de implantes necessitam de um cuidado especial com a limpeza para evitar o acúmulo de resíduos alimentares. O cirurgião dá as orientações ao paciente de como ele deve realizar a higienização oral logo após a cirurgia e ao longo da vida.

Também é fundamental que o paciente retorne ao consultório de 6 em 6 meses (ou a critério do dentista) para realizar uma limpeza profissional. A prótese dentária também precisa de cuidados, assim como a dentição natural.

Implante dental é difícil de limpar?

Não é difícil, mas o paciente precisa se comprometer a manter uma higiene oral adequada, porque a saúde dos implantes também depende disso. Cada modelo de implante e prótese tem sua forma de higienização adequada. Existem até instrumentos exclusivos que auxiliam nesta tarefa. Também cabe ao cirurgião orientar seu paciente.

O que fazer se aparecer pus ou alguma secreção no local do implante?

Procurar o dentista que o colocou o quanto antes pois o pús pode não ser nada ou pode ser uma infecção no implante dental.

O que fazer se o implante ficar com mobilidade?

Se o implante dental estiver mole, procure o dentista que o colocou o quanto antes. Poderá ser o pino do implante mole ou poderá ser o dente que está se soltando apenas.

Fazer a prótese dentária sobre implante fica com aparência artificial?

Atualmente trabalhamos com materiais modernos que deixam as próteses cada vez mais parecidas com a dentição natural. Portanto ninguém fica obrigatoriamente dentuço com uma prótese sobre implantes.

É o caso, por exemplo, da prótese de porcelana dental com estrutura interna em zircônia branca. Esses materiais são bastante estéticos e comparáveis aos dentes na cor, textura e resistência.

Só existem implantes de titânio no mercado?

Não, também existem implantes de cerâmica branca (zircônia), especialmente indicados para a região anterior, quando a gengiva do paciente é muito fina ou quando o paciente tem alergia ao níquel.

Só existe um tamanho de implante?

Existe uma grande variedade de implantes com tamanhos e diâmetros diferentes para atender diferentes necessidades. Existem implantes dentais maiores, menores, mais finos e menores, mais grossos, mais longos, tudo depende do planejamento e finalidade.

quanto custa implante dentario
Como fazer um implante parecer um dente perfeito ? ajuda muito se estiver bem posicionado

Diabético pode fazer implantes?

Em princípio, o diabético é um paciente que temos que avaliar bem antes de fazer um implante dentário. Os implantes precisam de uma ótima cicatrização para se manterem firmes no lugar, e como sabemos, o paciente com diabetes não controlada tem dificuldade de fazer uma boa cicatrização em qualquer ocasião.

Fumante pode fazer implantes?

O fumo causa uma alteração na circulação sanguínea e, consequentemente, na oxigenação celular. Essa alteração pode dificultar a cicatrização dos implantes, portanto a incidência de problemas em fumantes é muito maior! Outros problemas que poderiam ocorrer devidos ao fumo:

  • Perda óssea decorrente da infecção periodontal
  • Comprometimentos estéticos, como dentes manchados
  • Maior chance de perder implantes por rejeição
  • Maior chance de infecção em enxertos ósseos

Portanto, o paciente fumante também precisa ser bem avaliado antes de uma cirurgia destas. Para a pessoa que pretende colocar implantes dentários, a melhor e mais urgente recomendação que posso dar é: não fume!

Qual a idade mínima para fazer os implantes?

A partir dos 17, 18 anos (que é quando a fase de crescimento ósseo termina), em princípio os implantes dentários já podem ser indicados. Porém antes de fazer o implante dentário é necessário verificar se o crescimento do jovem já parou.

Qualquer dentista pode fazer a cirurgia de implantes dentários?

O ideal é que a pessoa realize seus implantes com um Dentista especializado em Implantodontia. O Implantodontista é o especialista que dedicou pelo menos 3 anos a mais de estudos além da graduação de Odontologia, para dominar as técnicas de colocação, estabilização bem como manutenção de implantes dentários.

É possível fazer implante de todos os dentes, um a um?

Sim é possível fazer implante dentário um a um desde que as condições ósseas permitam, o que raramente ocorre. O mais comum é realizar uma prótese fixa suportada por alguns implantes, chamada prótese protocolo. Cada caso é avaliado individualmente.

É possível fazer implante dental em um local onde tinha infecção/periodontite?

Sim, é possível, desde que a infecção periodontal seja bem limpa e controlada para não prejudicar a cicatrização dos implantes. O controle pós operatório também é mais frequente com estes pacientes.

Se você tem mais alguma dúvida sobre este assunto, quanto custa implante dentário e prótese dentária, entre em contato conosco através de um dos canais abaixo.

Dr. Roberto Markarian

dr-roberto-markarian-msc-doutorado-em-curso-e-especialista_19566829191_m
PhD em Implantodontia, Especialista em Implantes e Próteses Dentárias – Coordenador Cientifico da Clínica ImplArt

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Botox para ATM – tratamento da articulação da boca

O uso de botox para ATM e tratar da disfunção da articulação da boca é possivel. A DTM (disfunção têmporomandibular) é um conjunto de alterações funcionais das articulações têmporo mandibulares que causam alguns sintomas.

Por exemplo dores para mastigar, falar ou sorrir, dores perto do ouvido, dores nas articulações têmporomandibulares, estalos e barulhos ao mastigar ou abrir a boca e limitação da abertura da boca.

Aprenda mais sobre como o botox para ATM pode ajudar a melhorar seu problema na articulação da boca

Também fadiga musculo-facial, dor de cabeça, dores orofaciais, dor de dente, desvio da mandíbula ao abrir e fechar a boca e o travamento da boca aberta ou fechada.

A DTM pode ser causada por vários motivos, como traumas, má oclusão dentária, trauma, problemas nos músculos faciais, bruxismo.

Também desenvolvimento anormal das articulações têmporomandibulares, estresse, entre outros.

Fatores que levam a problemas na ATM – botox para ATM

Outros fatores que podem contribuir para o desenvolvimento da DTM incluem hábitos como roer unhas, morder objetos ou mascar chiclete em excesso. Além disso, a postura inadequada, como a má postura ao sentar ou ao dormir, também pode desencadear problemas na articulação temporomandibular.

É importante ressaltar que a DTM pode apresentar diferentes graus de gravidade, variando desde casos leves e autolimitados até formas mais graves e crônicas. O diagnóstico correto da DTM é essencial para um tratamento adequado e eficaz.

O tratamento da DTM pode envolver diversas abordagens, como o uso de medicamentos para aliviar a dor e a inflamação, ajustes na oclusão dentária, fisioterapia, terapias de relaxamento e controle do estresse, uso de aparelhos orais e, em casos mais graves, cirurgia.

É fundamental buscar a orientação de um profissional de saúde qualificado, como um dentista especializado em DTM, para avaliar o caso individualmente e indicar o tratamento mais adequado. O acompanhamento regular e a adoção de medidas preventivas também são importantes para minimizar os sintomas e evitar complicações futuras.

bruxismo e atm, botox para atm
A ATM é a articulação da boca. Os pontos mais comuns de dor no rosto causados por bruxismo e problemas na ATM estão marcados à direita.

Buscar a orientação de um profissional de saúde especializado, como um dentista especializado em DTM, é como consultar um guia experiente para obter o melhor caminho a seguir. O acompanhamento regular e as medidas preventivas são como manter seu veículo em bom estado para evitar problemas futuros.

A causa da DTM precisa ser estudada e para isso exames clínicos e radiológicos podem ser realizados.

Saiba mais sobre o ATM e tratamento ortodôntico.

A toxina botulínica tipo A tem sido usada na terapia de DTMs associadas à tensão muscular e dor orofacial.

Como é o tratamento de DTM

O tratamento consiste na aplicação do botox para ATM, em pontos de alguns músculos faciais e cranianos que estão sobrecarregados devido a desordem dos movimentos articulares, principalmente os utilizados na mastigação.

A tensão muscular gerada pela desordem das articulações também está ligada ao excesso de esforço muscular por conseqüência do apertamento dos dentes nos portadores de bruxismo.

Então a toxina age paralisando temporariamente os músculos sobrecarregados e aliviando a tensão muscular.

As injeções são aplicadas principalmente no músculo temporal, frontal, no masseter e eventualmente em algum músculo craniano ou da região paracervical.

Leia mais sobre falhas na gengiva

A aplicação da toxina botulínica no tratamento da DTM é uma opção terapêutica rápida, simples, segura e altamente eficaz.

  • Toxina botulínica é uma opção terapêutica para a DTM.
  • É rápida, simples, segura e altamente eficaz.

É realizado dentro consultório e a melhora pode ser notada dentro de poucos dias. Os efeitos duram até 12 meses.

Em caso de dúvidas, agende uma consulta ou então entre em contato conosco. Ficaremos felizes em atendê-lo.

(11) 3262-4750

contato@implart.com.br

Fale Conosco

WhatsApp: (11) 99598-1866

Skype: clinica_implart

Facebook: ImplanteDentarioClinicaImplArt

Twitter: @implart

Instagram: ClinicaImplart

O bruxismo causa desgaste nos dentes

Certamente você já ouviu falar em bruxismo e nos problemas que ele causa no dia a dia de quem sofre com esse hábito. A visita ao dentista regularmente é importante para identificação e correção dos problemas relacionados ao bruxismo em tempo de evitar comprometimentos mais severos.

O que é bruxismo dental?

O bruxismo é um problema funcional no qual a pessoa range ou aperta os dentes involuntariamente, principalmente durante o sono. O bruxismo pode ser ou de apertamento (briquismo), ou de ranger (bruxismo).

bruxismo e atm
A ATM é a articulação da boca. Os pontos mais comuns de dor no rosto causados por bruxismo e problemas na ATM estão marcados à direita.

Como saber se eu tenho esse problema?

Alguns sinais precoces de bruxismo podem ser por exemplo:

  • Dores de cabeça
  • Dores em dentes saudáveis (que não tem cárie)
  • Dentes que quebram
  • Dor na face
  • Pontadas no fundo do olho (há confusão de sinais de enxaqueca)
  • Desgastes em dentes
  • Mudança de formato em dentes (por exemplo a perda da ponta de caninos)
  • Latejamento nos músculos do rosto
  • Perda do esmalte dentário (parte branca), e exposição de dentina (amarela)
  • Estalo e barulhos ao abrir a boca
  • Sensação de ouvido tampado
  • Latejamento de dentes
  • Dor de ouvido (sem ter infecção no ouvido)
  • Desvio ao abrir a boca
  • Dor na abertura da boca, e abertura pequena
  • Dores no pescoço (musculares)

Como se pode ver pela lista os sinais e sintomas de bruxismo podem se confundir com outras doenças por isso o diagnóstico pode ser difícil. Porém um dentista experiente em problemas da ATM poderá diagnosticar seu caso corretamente.

Por que ocorre o bruxismo nos dentes?

As crises costumam ocorrer em pessoas que passam por algum momento de estresse e preocupação pontual ou frequente. O stress ou ansiedade não provoca bruxismo em todas as pessoas, somente naqueles que são susceptíveis a ele. Há várias hipóteses para o surgimento do bruxismo, cientistas e dentistas seguem correntes de pensamento que se baseiam em teorias como as seguintes:

  • Dentes mal posicionados podem causar bruxismo e problemas na ATM: Por esse motivo o paciente deveria ter a correção dos dentes por aparelho ortodôntico, ou por uma reabilitação oral.
  • Dentes ausentes, tortos ou desgastados podem causar alterações na boca e seu funcionamento: dessa forma, a solução seria corrigir primeiro a mordida e depois corrigir os dentes
  • O Bruxismo é intrínseco ao paciente mesmo com dentes bem posicionados e boa oclusão: bastaria portanto proteger os dentes com uma placa de mordida
  • O paciente tem casos esporádicos de dor aguda de ATM: portanto é tratado com analgésicos e placa de mordida transitória.

Quais são os males aos dentes?

O bruxismo exerce uma força exagerada sobre as estruturas orais, que a pessoa portadora pode fazer barulhos e ruídos, e também acordar com dores nos músculos da face, na cabeça e nas articulações da boca.

Mas os problemas que surgem por causa do bruxismo não tratado vão além das incomodas dores. A pessoa pode desgastar e até perder dentes por conseqüência do bruxismo.

Bruxismo
Desgaste avançado dos dentes por consequência do bruxismo 

Estágios do distúrbio na boca e dentes

Em casos iniciais de desgaste, os dentes podem perder o esmalte e portanto ficar com as camadas mais profundas expostas. O desgaste pode deixar os dentes mais curtos, e carga excessiva também pode causar rachaduras e trincas.

Nesses dentes frágeis podem aparecer cáries, e problemas de canal. Já em casos mais avançados, os dentes podem se quebrar, amolecer e cair.

Saiba mais o sobre prótese para bruxismo.

Hoje em dia existem materiais para a reconstrução dentária que impedem o desgaste, como a zircônia dental, sendo ideais para pacientes com este distúrbio.

O que devo fazer se eu tiver esse problema?

O primeiro passo é se conscientizar do seu problema, evitar aborrecimentos e estresse, e procurar ajuda do dentista, médico, ou mesmo do psicólogo.

Nós sabemos que a vida moderna é repleta de stress, sendo difícil ficar longe dos causadores de ansiedade. Porém, assim que há o diagnóstico, deve haver um trabalho preventivo e de resolução das suas consequências.

Recomendações gerais para a diminuição do estresse e ansiedade

Mas a nossa saúde é um bem precioso e é necessário um esforço para mantê-la. Procure, na medida do possível, praticar atividades físicas, relaxantes ou de lazer. Desfrute dos momentos com a família e amigos. Evitar a tensão é certamente uma das chaves para diminuir as crises.

O dentista pode ajudar a curar o bruxismo?

Depende da causa do seu bruxismo. Se há fatores emocionais, de ansiedade ou do sistema nervoso central, o dentista sozinho não poderá resolver seu problema. Na maioria das vezes, o dentista pode indicar o uso de um aparelho que tem a função de proteger as estruturas dentais dos danos do bruxismo.

Trata-se de uma placa rígida, moldada especialmente para cada paciente, que deve ser colocada nos dentes antes de dormir, é a chamada placa de mordida, placa de bruxismo ou placa mio-relaxante. Hoje em dia já podemos fazer uma placa de mordida sem moldagem, por meio de scanner intra oral e impressoras 3D, em nossa clínica.

placa de mordida digital
Placa de mordida digital para bruxismo elaborada na Clínica ImplArt, sem moldagem com massa

A placa de mordida para bruxismo amortece a força de apertamento e diminui a fricção do movimento de ranger. Algumas providências, como restaurações e ajuste da mordida com tratamentos ortognáticos ajudam a evitar complicações no futuro.

Dentes quebrados e desgastados pelo bruxismo, e o tratamento com a instalação de coroas para não apenas devolver o formato dos dentes, como também para clarear o sorriso.
Os dentes estavam tão desgastados que não apareciam ao sorrir. O sorriso parecia “murcho” por falta do suporte labial adequado.

Tipos de placa de mordida para bruxismo

Em geral as placas podem ser rígidas ou flexíveis:

  • Placas rígidas: São as mais eficientes para o tratamento do bruxismo pois impedem o desgaste dos dentes, bem como distribuem as forças entre todos os dentes evitando uma sobrecarga.
  • Placas flexíveis / moles: São menos eficientes e até contraindicadas para o tratamento de dores de ATM ou bruxismo.

Conheça a Clínica ImplArt

A Clínica ImplArt possui uma competente equipe odontológica e estrutura tecnológica diferenciada. Em caso de dúvidas preço, valor e tratamento, agende uma consulta ou então entre em contato conosco. Ficaremos felizes em atendê-lo.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Coroas de zircônia pura indicadas para pacientes com Bruxismo

O bruxismo é um hábito involuntário que acomete muitas pessoas e é caracterizado pelo ranger e apertamento exagerado dos dentes, principalmente durante o sono.

O que o bruxismo provoca nos dentes?

A carga excessiva sobre as estruturas (dentes, gengivas, ossos e musculatura facial) gerada pelo bruxismo pode levar o paciente a desenvolver problemas futuros nas coroas dentárias e na oclusão de uma forma geral. São os problemas mais comuns: desgaste dos dentes, retração gengival, fratura das raízes e problemas nas articulações têmporo-mandibulares.

Quais as causas do bruxismo?

Embora a causa do bruxismo não seja muito bem esclarecida, é certo que essa condição acomete com mais frequência determinadas pessoas. Principalmente aquelas que sofrem de algum problema emocional, como por exemplo estresse, ansiedade e preocupação excessiva.

Tratamentos para quem tem bruxismo

O desgaste dos dentes pode ser tão comprometedor sobretudo em pacientes com bruxismo severo. Nesses casos poderá ser necessária a realização de restaurações para recompor o formato, a função e a beleza dos dentes. Geralmente as restaurações são feitas com coroas protéticas que imitam não apenas forma, como também a cor dos dentes naturais.

Reabilitação funcional e estética de dentes desgastados e fraturados pelo bruxismo com a instalação de coroas de cerâmica

Reabilitação oral para quem tem Bruxismo

Mas se a carga excessiva gerada pelo bruxismo é capaz de desgastar os dentes naturais ao longo dos anos, também não será capaz de danificar coroas protéticas?

Isso depende do material utilizado na confecção da coroa. Em muitos casos, o dentista pode indicar coroas de porcelana com estrutura em zircônia pura 3D para restauração e reabilitação oral, mesmo em pacientes com bruxismo. As coroas de zircônia pura possuem diversas qualidades em relação a outros materiais utilizados em restaurações, e uma delas é sua alta resistência.

Cuidados para o Bruxista

De qualquer forma, sempre que o paciente com bruxismo procura o consultório, é necessário que haja uma criteriosa avaliação profissional de cada caso, a fim de identificar hábitos, estilo de vida e outras particularidades. Em alguns casos, o controle do bruxismo é tão complexo que deve ser feito com acompanhamento de equipe multidisciplinar, envolvendo diferentes especialidades odontológicas e médicas.

Se o comprometimento dos dentes causado pelo bruxismo for muito extenso, deve se primeiramente corrigir esses problemas. Pode ser necessária, por exemplo, a realização de tratamento de canal em raízes fraturadas, o aumento da dimensão vertical ou aumento de coroa clínica.

Em casos de Implante total recomenda-se trocar a prótese de resina por uma de zircônia. Com o controle desses problemas, as coroas de porcelana estética com estrutura em zircônia pura sem dúvida são a melhor indicação para reabilitação e restauração oral em pacientes com bruxismo.

Conheça a Clínica ImplArt

A Clínica ImplArt possui laboratório de prótese dentária próprio com o Sistema Cerec 3D, que agiliza a confecção das coroas de zircônia pura conforme planejamento computadorizado. Em alguns casos, por exemplo até mesmo em poucas horas em atendimento Day Clinic. Em caso de dúvidas, agende uma consulta ou então entre em contato conosco. Ficaremos felizes em atendê-lo.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Implante com carga imediata: quando não fazer?

O implante com carga imediata é um grande avanço dentro da odontologia. A técnica permite, em alguns casos, que o paciente chegue ao consultório sem dentes e saia com o sorriso completo no mesmo dia ou em até setenta e duas horas.

Como funciona a carga imediata para implantes rápidos

Em resumo, a técnica consiste na colocação de implantes dentários e coroa de forma rápida, tanto em paciente com perda dentária múltipla ou unitária. Em princípio, qualquer paciente em boas condições de saúde e com espessura e altura óssea suficiente para fixação primária dos implantes, é um bom candidato a se beneficiar com esta técnica. 

No entanto, na maioria dos casos, o paciente tem alguma restrição que o impede de receber a carga imediata. Principalmente por conseqüência da má qualidade óssea do maxilar ou mandíbula que inviabilizaria a fixação primária dos implantes.

Esta principalmente presente em pessoas que há muito tempo estão sem dentes e com reabsorção óssea avançada. É o caso de usuários de dentaduras, fumantes, portadores de osteoporose, diabetes e bruxismo. Essa condição pode ser confirmada através de um exame de imagem, como a tomografia computadorizada.

Planejamento para carga imediata é importante

Outra condição que se deve observar antes de se submeter ao implante com carga imediata é a localização onde ele vai ser colocado. Em áreas onde o esforço mastigatório é maior, a indicação da carga imediata é sem dúvida feita com mais cautela. 

Nesse sentido, normalmente a indicação é a fixação primária dos implantes dentários cone-morse e a colocação imediata de prótese provisória sobre eles. O paciente recebe orientações em relação à alguns cuidados que devem ser tomados nos primeiros meses após a cirurgia, até a completa cicatrização do osso e gengiva.

Essas orientações são, basicamente, cuidados com esforço mastigatório e higiene oral adequada para evitar a perda dos implantes. Esse processo deve durar em média de 3 a 6 meses. Ao final desse período, o paciente retorna ao consultório para substituição da prótese provisória pela prótese definitiva.

Ou seja, essa substituição só ocorre quando osso e gengiva já estão completamente cicatrizados. Quase sempre podemos afirmar que a colocação de implantes com carga imediata, desde que feito com critério e planejamento, e com cuidados no pós-operatório, têm tudo para ser um sucesso.

Carga imediata exige integração entre paciente implantodontista e Protesista, e laboratório de prótese

Também é preciso também que haja sintonia entre paciente e o implantodontista. Sobretudo se ele for um profissional sério e concluir através de exames que você não é um candidato a receber carga imediata, seja paciente.

O processo de implantes dentários sem a técnica de carga imediata pode ser um pouco mais demorado, mas os resultados serão plenamente satisfatórios. Assista ao vídeo de uma cirurgia de carga imediata (não clique se for sensível à imagens cirúrgicas).

Clínica Odontológica ImplArt

A Clínica Odontológica ImplArt é composta por profissionais especialistas em implantes dentários, tendo realizado milhares de procedimentos com resultados muito satisfatórios. Então venha nos fazer uma visita.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Implantes dentários que não deram certo

Os implantes dentários alcançaram um alto nível de qualidade, tanto nos materiais utilizados, quanto no domínio das técnicas por parte dos profissionais implantodontistas. Isso faz com que os procedimentos sejam cada vez mais seguros e com altas taxas de sucesso.

Quais as consequências para implantes dentários que não deram certo?

A porcentagem de sucesso hoje em dia passa dos 90%, mas há uma variação nessa porcentagem dependendo da região onde é realizado o implante dentário. A chance de insucesso em implantes colocados na parte superior da arcada dentária é eventualmente maior que na parte inferior.

O bom profissional trabalha para que a chance de insucesso seja quase inexistente. Entretanto, mesmo sendo raro, em alguns casos o implante pode não dar certo. Em parte dos casos onde há chance de insucesso, o profissional implantodontista consegue identificá-lo com antecedência e deixa o paciente ciente dessa possibilidade.

Normalmente com um segundo plano para tentar solucionar o problema (já que há solução para muitos casos de perda de implante). A cirurgia nesses casos só é feita depois de avaliar todas as alternativas.

Atualmente há diversos tipos de implantes dentários disponíveis, e análise de qual o recomendado para cada caso, pode ajudar nas chances de sucesso.

Os implantes dentários mais modernos, como Straumann, oferecem recursos que estimulam a cicatrização do implante. Ao longo dos anos, foram desenvolvidos implantes dentarios com formas e composições diferentes, de tal forma a sempre buscar melhor estabilização inicial e durabilidade ao longo da vida. Atualmente há a opção de implante dentário Slactive com cicatrização rápida de 1 mês.

Principais motivos que podem levar a perda do implante:

  • Quando não houve a osseointegração esperada;
  • Má qualidade óssea;
  • Superaquecimento no osso durante a colocação do implante;
  • Infecções ou doença periodontal em torno do implante (geralmente ocasionada por higiene oral precária);
  • Pouca densidade óssea – não houve osso suficiente para sustentação do implante e o osso pode rachar;
  • Paciente com patologias sistêmicas – exemplos: diabetes, osteoporose;
  • Maus hábitos do paciente – tabagismo, bruxismo (ranger de dentes) ou morder objetos duros, como tampas de caneta.

O primeiro sinal de que o implante não foi bem sucedido é quando ele apresenta mobilidade já nos primeiros meses após a cirurgia. Por menor que seja a mobilidade, é necessário que se tome as providencias imediatamente porque a mobilidade é progressiva e tende a aumentar. Outros sinais de insucesso no implante dentário: dor, inflamação na gengiva ou sangramento.

Saiba mais sobre Implantes Dentários

Casos em que há soluções na perda do implante

Se o implante for perdido por falta de osseointegração, pode-se refazer o implante com o mesmo calibre depois de alguns meses ou colocação de um implante de calibre maior, pois o osso se forma novamente sozinho, para alcançar uma área maior no osso do paciente.

É necessário que o paciente tenha paciência se houver a perda de um implante. Na maioria dos casos existe solução, porem é preciso esperar a reação natural do organismo para que o osso se regenere e torne possível o reimplante.

O que é fundamental para o sucesso do implante?

É preciso que o profissional implantodontista seja bem treinado e tenha domínio das técnicas, e que os materiais utilizados sejam de boa qualidade. Mas também é necessária a colaboração do paciente e que ele tenha consciência do papel dele nos resultados. Essa dupla é a principal responsável para que tudo dê certo e permaneça assim. Principais pontos que garantem o sucesso de um implante dentário:

  • Deve ser realizado por um dentista especialista em implante dentário sério (implantodontista);
  • Os materiais utilizados para os implantes e próteses sobretudo devem ser de boa qualidade;
  • O paciente seguir rigorosamente as instruções de medicação, alimentação e higiene oral no período pós-operatório;
  • O paciente ter cuidado com a mastigação nos primeiros meses. O esforço na mastigação deve ser leve no início e ir aumentando aos poucos;
  • O profissional implantodontista esperar o tempo correto para colocação da prótese definitiva e que ela seja adequada ao modelo do implante;
  • O paciente não fumar depois de colocar o implante;
  • O paciente deve se comprometer em comparecer as consultas de manutenção no tempo determinado pelo implantodontista.

Se as recomendações forem respeitadas e o implante for colocado por um profissional especializado, a expectativa é que o(s) implante(s) supra(m) a falta do(s) dente(s) funcionalmente e esteticamente por muitos anos.

Conheça a Clínica ImplArt. Nossa equipe especializada já realizou milhares de reabilitações com implantes dentários com ótimos resultados e pacientes satisfeitos. Entre em contato conosco e agende uma consulta:

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Limpeza e manutenção de implantes dentários e próteses

A manutenção de implantes dentários é importante, sobretudo, para conservar a saúde e estética do sorriso. O conjunto de implantes dentários e próteses são inegavelmente a melhor substituição para devolver a autoestima e segurança na mastigação em pessoas que perderam um ou mais dentes.

No entanto, é necessário que o paciente siga alguns cuidados para que esse conjunto funcione bem por muitos anos e para que se evitem doenças na região do implante. Veja a seguir alguns desses cuidados. 

Uma boa higienização oral faz parte dos cuidados que se devem ter para preservação de implantes dentários

Higiene bucal

Em contraste com o que muita gente pensa, os cuidados com a higiene da prótese e implante dentário devem ser exatamente os mesmos que se tem com dentes naturais. A higienização inadequada pode desencadear, por exemplo, o acúmulo de placa bacteriana em implantes.

Causando dessa forma inflamações nas gengivas e mucosas (gengivite e mucosite) ou nos tecidos ao redor do implante (periimplantite), que em casos agravados podem levar a perda do implante. 

Dicas para uma boa higienização oral e da prótese dentária:

  • Use escova de cerdas bem macias
  • Em alguns tipos de implantes e próteses podem ser usadas as escovas interdentais ou unitufos
  • O creme dental pode ser o habitual ou então um de preferência do seu dentista
  • Escove com movimentos suaves
  • Divida a escovação por áreas. Isso inclui parte interna, externa bem como superfícies de mastigação
  • Escovar língua e gengivas
  • Repetir esses passos logo após cada refeição
  • Pacientes com próteses fixas sobre implantes podem utilizar aparelhos que emitem jatos de água para facilitar a limpeza e remoção de resíduos em locais que a escova não entra.
  • Utilizar o fio dental regularmente e com a mesma cautela quando utilizadas em dentes naturais (fios do tipo passa fio ou floss são os melhores para cuidados do implante). Em próteses sobre implante (do tipo protocolo), o fio dental é o grande aliado para higienização entre prótese e gengiva, e espaço entre implantes
  • Enxaguantes bucais podem ser utilizados, entretanto necessitam de recomendação do dentista. Alguns tipos de enxaguantes contêm componentes que podem prejudicar o material da prótese

Se você tem dúvida de como escovar bem a prótese ou no uso do fio dental, então você pode pedir orientação ao seu dentista.

Leia mais: dúvidas frequentes sobre implantes dentários

limpeza do implante dentario 7403677144 l
Exemplo do uso da escova interdental para higienização entre prótese e gengiva e entre implantes

Manutenção de implantes dentários e prótese

O paciente submetido a colocação de implantes dentários e próteses jamais deve deixar de frequentar o consultório odontológico. O intervalo entre as consultas é decidido pelo dentista, pois em cada caso as necessidades podem ser diferentes. Na consulta o dentista irá verificar se a higienização do dia a dia está sendo corretamente executada.

Além disso, ele pode indicar uma limpeza profissional (profilaxia) e em alguns modelos de implantes, o dentista poderá até mesmo desencaixar a prótese para fazer uma limpeza completa. Nessa consulta o dentista também pode realizar pequenos ajustes de parafusos e na mordida ou então solicitar exames radiográficos para monitorar os implantes. 

Hábitos que devem ser evitados a partir da colocação do implante dentário

  • Mastigar objetos duros, como tampa de canetas
  • Fumo
  • Bruxismo (hábito de ranger os dentes e que tem solução). Recomenda-se primeiramente o controle desta condição.

Fique atento a sinais de problema nos implantes!

Sangramento ou alteração de cor nas gengivas ao redor do implante dentário, dor, inchaço, mobilidade do implante são por exemplo sinais de que algo pode estar errado com a limpeza e manutenção. Nesses casos, não deixe de procurar imediatamente um implantodontista.

A Clínica ImplArt é pioneira em colocação de implantes dentários, com milhares de procedimentos bem realizados. A nossa equipe é capacitada a acompanhar o seu caso, desde a necessidade e a indicação do implante como solução na ausência de um ou mais dentes até a preocupação na manutenção e preservação do implante e saúde oral ao longo dos anos. Entre em contato conosco. Ficaremos felizes em procurar solucionar o seu caso.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Escanear o código