Existem muitos produtos e técnicas para escolher quando se trata de clareamento dental. Existem técnicas e produtos clareadores validados pelos dentistas e que funcionam de fato.

Entretanto, a maioria dos produtos de clareamento usa produtos químicos para clarear os dentes e isso é o que preocupa muitas pessoas.

Por esse motivo uma onda naturalista surgiu que indica o uso de substâncias naturais para realizar o clareamento dental, porém nem todas tem comprovação científica.

O que faz os dentes parecerem amarelos?

Vários fatores fazem com que os dentes se tornem opacos e percam seu brilho branco e brilhante. Certos alimentos podem manchar o esmalte, que é a camada mais externa dos dentes. 

Além disso, o acúmulo de placa (resíduos alimentares) nos dentes pode torná-los amarelos. Esse tipo de descoloração geralmente pode ser tratado com técnicas comuns de limpeza e clareamento dental.

No entanto, às vezes os dentes parecem amarelos porque o esmalte dentário foi desgastado, revelando a dentina por baixo. A camada externa dos dentes consiste em esmalte, que é quase branco e protege a estrutura dental mais profunda. 

Abaixo do esmalte existe uma camada de tecido chamada dentina, que é marrom-amarelada. Quando a camada de esmalte fica mais fina ou desgasta, os dentes começam a parecer mais escuros.

Alimentos ácidos, doenças gengivais e envelhecimento podem desgastar o esmalte dos dentes. Algumas pessoas também têm esmalte naturalmente mais fino.

Existem doenças dos dentes como a amelogenese imperfeita que tornam os dentes opacos e amarelos, nesse caso um clareamento dental não irá resolver.

clareamento dental 2
O clareador dental profissional não é uma tinta para pintar os dentes. O gel clareador tem ação química sobre as moléculas orgânicas de pigmentos.

Previna manchas nos dentes antes que aconteçam

Embora seus dentes amarelem naturalmente com a idade, alguns hábitos podem ajudar a prevenir manchas nos dentes. Alimentos e bebidas específicos, como café , podem manchar os dentes. 

Alguns alimentos que mancham os dentes também podem desgastar o esmalte, aumentando o amarelamento. Outras fontes de manchas incluem fumo e produtos de tabaco e certos tipos de antibióticos .

Limite a coloração de alimentos e bebidas

Café, vinho tinto, refrigerante e frutas escuras são conhecidos por manchar os dentes. Isso não significa que você deve evitá-los completamente, mas deve limitar o tempo que essas substâncias ficam em contato com os dentes.

Algumas pessoas consumem bebidas que manchem os dentes com um canudo para evitar o contato direto com os dentes, embora isso não evite comprovadamente o manchamento dos dentes.

Escove os dentes logo após consumir um desses alimentos ou bebidas pode ajudar a limitar seus efeitos sobre a cor dos dentes. Além disso, evite fumar e mascar tabaco, pois ambos podem causar descoloração dos dentes.

Limite a ingestão de açúcar

Se você quiser dentes mais brancos, diminua a ingestão de açúcar. Uma dieta rica em açúcar apoia o crescimento de Streptococcus mutans , o principal tipo de bactéria que causa cáries, placa e gengivite. Por isso, ao consumir alimentos açucarados, escove os dentes logo em seguida.

Consuma bastante cálcio em sua dieta

Alguns casos de descoloração do dente são causados pela erosão do esmalte e exposição da dentina por baixo, que é amarela. Portanto, qualquer coisa que você fizer para fortalecer o esmalte dos dentes ajudará a mantê-los com um branco perolado.

Alimentos ricos em cálcio, como leite, queijo e brócolis, podem ajudar a proteger seus ossos e dentes da erosão do esmalte, principalmente nas crianças.

Uma dieta saudável com cálcio suficiente pode ajudar a prevenir o amarelamento dos dentes e ainda mantém seus ossos saudáveis. Escovar os dentes logo após as refeições também pode ajudar a prevenir manchas.

Não subestime o valor da escovação e do uso do fio dental

Embora alguma descoloração dos dentes venha naturalmente com a idade, é em grande parte resultado do acúmulo de placa bacteriana. A escovação regular e o uso do fio dental podem ajudar a manter os dentes brancos, reduzindo as bactérias na boca e evitando o acúmulo de placa bacteriana.

A pasta de dente limpa suavemente as manchas dos dentes e o uso do fio dental remove as bactérias que causam a placa. As limpezas dentais regulares também podem ajudar a manter os dentes limpos e brancos.

Outros métodos naturais que não são comprovados para clarear os dentes

Existem alguns outros métodos naturais de clareamento dos dentes, mas não há evidências científicas que comprovem que sejam seguros ou eficazes. Em sua maioria esses métodos vão agir sobre a camada externa do dente somente, sem ação química sobre as estruturas internas do dente e os pigmentos internos.

Os clareadores comerciais por outro lado tem comprovada ação química, rompendo as moléculas do pigmento. Alguns dos métodos naturais e não comprovados incluem:

Carvão ativado

A escovação com carvão em pó é um método da moda e supostamente retira as toxinas da boca e remove as manchas dos dentes, polindo o dente. Embora não seja cientificamente comprovado, os seus defensores alegam que o carvão é um agente bactericida e desinfetante.

Além disso cria uma ilusão de óptica pela qual o dente parece mais branco por um tempo. Depois que o carvão sai da superfície do dente, será necessário aplicar novamente o produto. Não consideramos este método confiável e também observamos casos de desgastes dentários aumentados em pacientes que utilizaram o carvão.

O carvão ativado é muito áspero para o uso diário e fere as gengivas“, explica o Dr Roberto Markarian, dentista da Clínica ImplArt. “Além disso, os cremes dentais de carvão não têm flúor, que o esmalte precisa diariamente para remineralizar a superfície do dente em um nível microscópico.”

clareamento dental com carvao
A utilização de carvão ativado em pó puro ou em pastas de dente para o clareamento dental não é um método com comprovação científica. Além disso desgasta o mineral dos dentes danificando-os. Diferente dos clareadores profissionais que destroem as moléculas de pigmento escondidas dentro do dente, o carvão somente faz um polimento superficial, e cria uma ilusão de um dente mais branco por algumas horas.

Bicarbonato de sódio:

O bicarbonato de sódio pode polir suavemente as manchas na superfície dos dentes. Algumas pessoas temem que o bicarbonato de sódio seja muito forte e possa danificar o esmalte, mas pesquisas recentes sugerem que o bicarbonato pode ser uma maneira segura de remover manchas superficiais. O bicarbonato de sódio também pode ajudar a combater bactérias, o que sugere que pode reduzir a placa bacteriana e prevenir a cárie dentária e o tártaro.

Argila de caulim

Os defensores desse método afirmam que escovar com argila ajuda a remover manchas dos dentes. Cuidado com o desgaste nos dentes. Dentro da argila há pequenas pedrinhas que irão tirar a camada superficial do seu dente!

Cascas de frutas

O mamão contém uma enzima que pode ajudar a clarear os dentes. A papaína e a bromelaína, que são enzimas que ocorrem no mamão e no abacaxi, respectivamente, podem ajudar a clarear os dentes. Um estudo de 2012 encontrou evidências preliminares de que as soluções contendo esses ingredientes podem oferecer efeitos clareadores modestos. 

No entanto, os autores do estudo alertam que mais pesquisas são necessárias para determinar se essas enzimas são ou não eficazes. Existem esfregar cascas de laranja, limão ou banana nos dentes poderia torná-los mais brancos. A papaína também é ácida e pode remover mineral dos seus dentes.

Vinagre de maçã

Não há evidências de que o uso do vinagre como enxaguatório bucal ajude a clarear os dentes. Pelo contrário, o ácido enfraquece o esmalte e promove a cárie dentária.

Usando peróxido de hidrogênio (agua oxigenada)

O peróxido de hidrogênio é um alvejante suave que pode ajudar a clarear os dentes manchados. O peróxido de hidrogênio é um produto forte e pode aumentar a sensibilidade dentária ou queimar as gengivas e bochechar internamente, por isso não é adequado para uso a longo prazo ou para pessoas que já têm dentes sensíveis.

Óleos vegetais

Os óleos vegetais são utilizados por alguns naturalistas para realizar a higiene oral e remover sujeira, bactérias e detritos. Os mais comumente utilizados com essas finalidades incluem o óleo de coco, óleo de girassol, óleo de gergelim.

Os óleos vegetais não são um substituto para a escovação regular ou o uso do fio dental, mas algumas pesquisas sugerem que lavar a boca com certos óleos pode ajudar a clarear os dentes. Não há estudos científicos confiáveis que mostrem que óleos vegetais reduzem as cáries, clareia os dentes ou melhora a saúde bucal e o bem-estar. 

Os defensores desses métodos naturalistas afirmam que eles tornam os dentes significativamente mais brancos, mas não há estudos confiáveis com evidências fortes para avaliar sua eficácia. Isso também significa que eles não foram testados para efeitos colaterais quando usados nos dentes.

Métodos de clareamento dental comprovados e que funcionam

A maioria dos dentistas oferece tratamentos de clareamento muito mais fortes do que esses remédios naturais. Eles envolvem o clareamento dos dentes, que pode ser mais eficaz para descoloração dentária severa, de forma comprovada. 

Há muitos estudos científicos que comprovam a eficiência dos produtos clareadores dentais, que agem quimicamente quebrando as moléculas orgânicas dos pigmentos dentro do dente e não só na superfície. Portanto verifique conosco quais são suas opções e qual seria a melhor para você.

clareamento a laser
Clareamento dental com ativação de luz laser é um método rápido e eficiente de clarear os dentes.

O que é o clareamento dos dentes?

O clareamento dos dentes envolve o tratamento com produtos para torná-los mais claros. O clareamento dental não pode tornar seus dentes mais brilhantes, mas pode clarear a cor existente em vários tons.

Quem pode fazer o clareamento dos dentes?

O clareamento dentário é uma forma de odontologia e só deve ser realizado por um dentista ou outro profissional da odontologia regulamentado, como um higienista ou terapeuta dentário, mediante acompanhamento de um dentista. Você também pode comprar pastas de dente para branqueamento dentário, mas eles também podem apresentar riscos.

O que acontece durante o clareamento dos dentes?

Se você tiver os dentes clareados, precisará fazer várias visitas ao consultório dentário durante algumas sessões. O produto clareador profissional precisa agir sobre o dente por algum tempo para que tenha eficiência.

Clareamento dental caseiro

O dentista fará um molde de seus dentes para fazer um protetor bucal e lhe dirá como usá-lo com um gel clareador. Em seguida, usando o protetor bucal em casa, você aplica regularmente o gel por um período específico de 2 a 4 semanas. Alguns géis clareadores podem ser deixados por até 8 horas de cada vez, o que encurta o período de tratamento para 1 semana.

Clareamento em consultório

O clareamento a laser, também conhecido como clareamento em consultório, é outro tipo de sistema de clareamento dental que um dentista pode realizar. Um produto clareador é aplicado sobre os dentes e, em seguida, uma luz ou laser é direcionado para ativar o clareamento. Cada sessão clareamento a laser leva cerca de uma hora.

Qualquer dentista pode clarear os dentes?

Qualquer dentista pode clarear os dentes, com auxílio da Técnica de Saúde Bucal (TSB) desde que seja registrado no CRO / CFO. Só procure um dentista credenciado para o clareamento dos dentes, pois o clareamento por pessoas não qualificadas, por exemplo, em salões de beleza, é ilegal. 

Os kits domésticos importados de clareamento também apresentam riscos. Nós iremos aconselhá-lo sobre qual tipo de clareamento é adequado para você. Pode ser que o clareamento dos dentes não seja adequado, por exemplo, se você tiver doenças gengivais ou coroas dentárias.

Quais são os riscos dos kits caseiros não aprovados pela Anvisa?

Alguns kits domésticos clandestinos não contêm produto de clareamento suficiente para serem eficazes. Além disso, se um profissional de odontologia não estiver fazendo o clareamento, o protetor bucal (moldeira) fornecido pode não se encaixar corretamente, então parte do gel clareador pode vazar para a gengiva e a boca, causando queimação, manchas brancas na gengiva, bolhas e dor.

Além disso, o  branqueamento dentário realizado por pessoal sem formação ou sem qualificação dentária põe em risco a sua saúde oral e também é ilegal.

Quanto custa um clareamento de dentes

Os custos variam e o clareamento a laser é mais caro do que o clareamento profissional.

O que devo perguntar ao dentista antes de clarear meus dentes?

Não tenha receio de fazer perguntas simples sobre os tipos de clareadores disponíveis, quais os resultados que você pode esperar e se o trabalho está garantido por um determinado período de tempo. Você também pode perguntar a eles se há riscos envolvidos – por exemplo, aumentar a sensibilidade dos dentes.

O clareamento dos dentes é permanente?

O clareamento dos dentes não é permanente. Pode durar de alguns meses a até 3 anos – varia de pessoa para pessoa. O efeito de clareamento não durará tanto se você fumar ou beber vinho tinto, chá ou café, que podem manchar seus dentes.

O clareamento dentário funcionará em dentes artificiais e próteses dentárias?

O clareamento dental não funciona em dentaduras, próteses dentárias, implante dentário, coroas dentárias, restaurações, lentes de contato dentais.

Quais são os riscos do clareamento dos dentes?

Não importa o tratamento que você use, há uma chance de que suas gengivas sejam sensíveis aos produtos químicos usados no clareamento dos dentes, principalmente se você já tiver dentes sensíveis. 

Também existe a possibilidade de queimaduras nas gengivas e alguns dos kits de clareamento usados em casa podem danificar o esmalte dos dentes.

Há formas comprovadas de clarear os dentes em casa?

Existem duas opções principais para o clareamento dental em casa: cremes dentais e técnicas para clareamento caseiro. As pastas de dente oferecem resultados mínimos de clareamento dental, devido aos baixos níveis de ingredientes clareadores, enquanto que clareamentos caseiros fornecem resultados mais efetivos, uma vez que os ingredientes clareadores fazem contato total com os dentes por períodos mais longos.

Como funcionam os cremes dentais clareadores

As pastas clareadoras geralmente contêm abrasivos suaves como sílica hidratada, bicarbonato de sódio e carbonato de cálcio para polir e remover manchas superficiais e / ou baixas concentrações de peróxido de hidrogênio ativo para clarear os dentes. 

“A maioria dos cremes dentais clareadores convencionais funcionam usando um abrasivo chamado sílica para raspar mecanicamente as manchas dos dentes, daí o resultado ‘clareado’, mas não há tanto clareamento químico real, explica o Dr. Markarian, da Clínica ImplArt. 

Procure pastas que contenham peróxido se quiser resultados reais. Você pode esperar ver efeitos visíveis após quinze ou mais dias de uso duas vezes ao dia.

Qual é a opção mais segura para clarear dentes sensíveis?

Se você tem dentes sensíveis, deve tomar alguns cuidados extras antes de usar produtos de clareamento caseiros. 

“Se os dentes estão bons, mas você simplesmente tem sensibilidade, seu dentista pode ajudar com tratamentos de dessensibilização. Apenas preste atenção em como seus dentes reagem.” 

“Se você sentir sensibilidade ou se as bordas de seus dentes começarem a parecer transparentes, você deve interromper o clareamento”.

A escovação diária e o uso do fio dental, junto com as limpezas regulares no consultório do dentista, evitam o acúmulo de placa amarelada nos dentes. Os clareadores que realmente funcionam são os profissionais, testados cientificamente e com inúmeras pesquisas a respeito.

Hoje em dia os clareadores odontológicos nem são tão caros assim , portanto não vale a economia de preço entre algo incerto (que pode te prejudicar), por algo que vai funcionar.

Se você ainda tem dúvidas sobre clareamento dental, e quer saber preços e técnicas entre em contato conosco !

Endereço e Contatos

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

11 3262-4750

contato@implart.com.br

clinica_implart

ImplanteDentarioClinicaImplArt

@implart

ClinicaImplart