Skip to main content

Tag: dentes naturais

Prótese removível: 5 tipos, modelos e indicações

Você sabe qual é a melhor prótese dentária removível para repor dentes perdidos e qual o melhor tipo de prótese dentária removível?

Qual é a diferença entre prótese dentária fixa e prótese removível? A prótese dentária móvel é aquela que pode ser retirada pelo usuário quando necessário, enquanto que uma prótese dentária fixa (sobre dentes ou sobre implantes) não pode ser retirada, a não ser no consultório dentário.

Próteses dentárias convencionais removíveis (dentadura acrílica)

dentadura convecional 50kb

Fabricada em acrílico, é a forma mais habitual e uma das mais antigas para suprir a ausência de todos os dentes de uma arcada. As dentaduras modernas podem ser compostas por dentes nacionais ou dentes importados, e os materiais atuais são muito estéticos e resistentes.

Especialmente as marcas importadas com três camadas de resina que reproduzem características dos dentes naturais, como por exemplo translucidez, textura e nuance das cores. Saiba mais sobre dentes importados e dentes nacionais para dentadura clicando aqui.

Prótese removível dentária flexível total (dentadura de silicone)

É fabricada com resina flexível que é utilizada como base para próteses e ajuda a corrigir falhas no acrílico convencional. A prótese flexível é uma alternativa para pessoas que não podem ou não desejam fazer reposição de dentes com implantes dentários. Também pode ser indicada como prótese provisória para ser utilizada no período de cicatrização de implantes dentários.

As próteses removíveis podem ser usadas também como próteses de transição durante um tratamento com implantes dentários, entre a dentição natural e a dentição definitiva protético.

Ponte dentária móvel com grampo metálico

ponte grampos metalicos 50kb

A ausência de um dente pode ser resolvida com a colocação de uma prótese removível apoiada nos dentes existentes por meio de grampos metálicos. É um dispositivo resistente e que supre bem a ausência do dente perdido, possuindo apenas a desvantagem de conter partes metálicas aparentes em alguns modelos. Em princípio, não é indicada para pessoas com considerável perda óssea, com defeito gengival, ou pessoas alérgicas a determinados metais.

Prótese dentária móvel flexível

A Prótese dentária flexível também supre a falta dentária de um ou mais elementos apoiados nos dentes naturais existentes. Entretanto, o que difere esse modelo da prótese móvel convencional, é que esta não contem partes metálicas. A retenção se dá por meio de ganchos fabricados no mesmo material da prótese, o que a torna uma opção muito mais estética, além de segura para alérgicos.

Prótese removível dental sobre implantes Overdenture

protese overdenture 30kb

Consiste em uma prótese apoiada sobre implantes, mas que, no entanto, é uma prótese que pode ser retirada pelo usuário quando necessário, especialmente para higienização bucal.

O sistema de fixação de uma prótese Overdenture são clipes de pressão o’ring (macho e fêmea), barra-clipe e outros tipos de encaixes macho-fêmea. Na arcada inferior é utilizado normalmente dois implantes para fixar uma overdenture.

overdenture 50kb

Quando utilizado na arcada superior, podemos remover o “céu da boca” da prótese, desde que sejam utilizados quatro implantes. A ausência do céu da boca da prótese facilita a higiene e também traz mais conforto para o usuário e permite sentir melhor o sabor dos alimentos.

Qual o valor de uma prótese dentária móvel?

Valores de tratamento são passados apenas em consulta presencial após uma avaliação criteriosa de cada caso para indicação do procedimento mais adequado às necessidades. Se você ficou com alguma dúvida, entre em contato conosco ou agende sua consulta com a nossa equipe odontológica.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Prótese de zircônia dental computadorizada para arcada total

A prótese de zircônia dental para reabilitação do maxilar é um tipo prótese estética fixa sobre implantes dentários para restauração em pacientes que perderam os dentes. A perda dos dentes certamente gera um prejuízo estético e afeta a qualidade de vida de uma pessoa. Por esse motivo a reabilitação com implantes devolve ao paciente a tranquilidade para mastigar, falar e sorrir.

Alta tecnologia em implantes, agora com zircônia dental para próteses da arcada completa

A reabilitação do maxilar com prótese de zircônia dental é uma solução estética e funcional para pacientes que perderam seus dentes. Essa perda afeta negativamente a aparência e a qualidade de vida das pessoas. Os implantes dentários proporcionam uma restauração completa, devolvendo aos pacientes a capacidade de mastigar, falar e sorrir com tranquilidade. A tecnologia avançada dos implantes agora inclui o uso da zircônia dental para criar próteses da arcada completa, garantindo resultados ainda mais estéticos e duradouros. Essa combinação de alta tecnologia e próteses de zircônia oferece uma solução completa e eficiente para a reabilitação oral.

Mas por que a zircônia dental é um material tão inovador?

A zircônia dental (óxido de zircônio pré-sinterizado) é um material translúcido de cor clara que permite a passagem de luz, ou seja, o interior da prótese fica com aspecto natural, comparável a dentina. É o que chamamos de prótese metal free (livre de metais).

A maneira como a estrutura da prótese protocolo de zircônia dental é construída também é inovadora e inegavelmente um marco na odontologia. A prótese de zircônia é projetada em computador por tecnologia CAD/CAM e confeccionada em impressoras 3D. Essa tecnologia permite sem dúvida a projeção de uma prótese totalmente personalizada para atender as necessidades pessoais de cada paciente.

zirconia dental sendo produzida

A estrutura da prótese é uma peça única, obtida através da fresagem de um bloco bruto de zircônia pré sinterizada por robôs.

estrutura zirconia 15kb
Estrutura de zircônia para todos os dentes durante fase de elaboração laboratorial. Receberá finalização com cobertura de porcelana.

A zircônia dental possui resistência superior se comparada ao tradicional protocolo de resina, graças ao processo de sinterização em forno de alta temperatura. Após a fresagem, a estrutura de zircônia é levada ao forno e adquire resistência.

Por fim, a estrutura de zircônia é recoberta com porcelana e tonalizada com a pincelagem de líquidos corantes específicos para este fim. Neste processo é possível reproduzir várias tonalidades em um mesmo dente, deixando a prótese com aspecto muito parecido com dentes naturais.

zirconia dental pronta
Prótese de zircônia de todos os dentes instalada em boca
zirconia dental prontas
zirconia dental protocolo
Prótese de zircônia de todos os dentes durante fase de elaboração laboratorial e aplicação de porcelana

A prótese de zircônia é finalmente fixada nos implantes dentários, trazendo dessa forma alívio para pacientes que sofrem pela ausência dos dentes e que agora podem falar, mastigar e sorrir com mais segurança.

Veja também este caso de antes e depois de implante da boca toda em zircônia dental.

Como fazer um implante dentário de zirconia em São paulo ?

A zircônia é um material cerâmico que substitui o metal nos pinos de implantes dentários, oferecendo mais estética, biocompatibilidade e durabilidade.

O implante dentário de zircônia consiste em duas etapas: a primeira é a cirurgia, onde o pino de zircônia é inserido no osso da mandíbula ou da maxila, e a segunda é a colocação da prótese de zircônia, que é fixada sobre o pino e imita o dente natural. O tempo de cicatrização entre as etapas pode variar de acordo com o caso, mas geralmente leva de 2 a 3 meses.

Os implantes de zirconia Straumann Pure e o implante de zirconia Neodent Zi são dois tipos de implantes dentários de zircônia, que são cerâmicas brancas e resistentes que substituem o metal. Eles oferecem mais estética, biocompatibilidade e durabilidade do que os implantes metálicos. Nós da Clínica Dentária Implart somos pioneiros nesse tipo de tratamento em São Paulo e no Brasil, usando tecnologia computadorizada e scanner 3D. Se você quiser saber mais sobre os implantes de zircônia, fale conosco e veremos se pode ser aplicado a seu caso.

Vantagens do protocolo de zircônia:

  • Mais resistente, enquanto que a resina (protocolo dentário comum) pode sofrer fraturas
  • Resultado mais estético porque não possui metal na estrutura (prótese metal free)
  • Os dentes de zircônia são mais resistentes ao manchamento do que os de resina, com maior durabilidade.
  • O projeto computadorizado permite a realização de uma prótese mais precisa e adequada as necessidades de cada paciente
  • Tratamento mais rápido
  • Materiais biocompatíveis com o organismo humano
  • Céu da boca livre – mais conforto para falar, mastigar e sorrir

Indicações das próteses dentárias fixas em zircônia dental

Inicialmente, o paciente precisa passar em uma consulta para que sejam avaliados critérios clínicos, como o volume ósseo e as condições bucais gerais.

A reabilitação da maxila com protocolo de zircônia dental pode ser indicada para pessoas com edêntulismo total superior, mesmo que usem prótese removível há bastante tempo.

Se você ficou com alguma dúvida sobre tratamentos, preço, valor ou técnica, então entre em contato com a nossa equipe através de um dos canais abaixo. Ficaremos felizes em atende-lo.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Por que a zircônia é um material resistente?

Por muito tempo as estruturas internas de próteses e outras restaurações dentárias eram confeccionadas com liga metálica, um material altamente resistente e capaz de suportar a força mastigatória.

Mas com o tempo nasceu a necessidade de produzir próteses e restaurações mais estéticas e parecidas com dentes naturais.

Isso porque apesar de resistente, o metal não é um material estético porque possui coloração escura e contrastante com a tonalidade natural dos dentes.

A zircônia surgiu como uma alternativa estética para a confecção de estruturas de próteses e restaurações dentárias, porque possui tonalidade branca e translúcida.

O material não apenas muito estético, como também é considerado bastante resistente.

Uma grande variedade de soluções protéticas e restauradoras podem ser confeccionadas com zircônia.

Mas por que a zircônia é um material resistente? A explicação está na física.

zircônia x metal
estrutura de zircônia x metal
Onlay metálico
Onlay metálico
Onlay cerâmico
Onlay cerâmico
Coroa de zircônia instalada
Coroa de zircônia instalada

Como é o processo de produção

A zircônia dental é fornecida ao dentista em forma de bloco formado por micropartículas de pó cerâmico pré sinterizado.

Nessas condições, o material ainda é frágil e permite sua manipulação.

O projeto da peça protética dental é feito em computador com o uso da tecnologia CAD/CAM e enviado ao compartimento de usinagem (impressora 3D) para fresagem do bloco de zircônia.

Quando a fresagem da peça é finalizada, a peça é levada ao forno e submetida a alta temperatura (cerca de 1500ºC) para que as micropartículas de pó cerâmico sejam agregadas e solidificadas.

A peça sofre uma contração e sua densidade máxima é alcançada. Esse processo chamado sinterização é o que torna a peça de zircônia muito resistente para suportar a carga mastigatória.

Outras caraterísticas da zircônia, como textura e resistência a manchas também são parecidas com os dentes naturais.

Isso ajuda que uma simples restauração dentária ou uma coroa unitária fique semelhante aos dentes vizinhos.

Se você ficou com alguma dúvida, deixe sua questão abaixo ou entre em contato conosco através de um dos seguintes canais de atendimento:

(11) 3262-4750

contato@implart.com.br

Fale Conosco

WhatsApp: (11) 99598-1866

Skype: clinica_implart

Facebook: ImplanteDentarioClinicaImplArt

Twitter: @implart

Instagram: ClinicaImplart

Qual a diferença entre pivô, coroa e jaqueta?

É normal que haja duvidas nas pessoas entre a diferença de pivô, coroa e jaqueta.

Vamos tentar explicar a diferença de uma forma prática

De uma forma geral, pivô coroa e jaqueta são técnicas restauradoras da forma e a estética de dentes que foram afetados por fratura, acidente ou cáries. A técnica de restauração a ser aplicada depende do nível de comprometimento do dente e da raiz.

coroas metaloceramicas implantes reabilitacao antes e depois 50kb

Vejamos a seguir a diferença entre pivô coroa e jaqueta

Pivô

É um tipo de prótese dentária que necessita da instalação de um pino no interior da raiz com canal tratado. Em resumo, o pino serve para sustentar a coroa protética, bem como proteger a raiz tratada. O pino é normalmente fabricado em fibra de carbono, fibra de vidro ou liga metálica fundida, enquanto que a coroa pode ser de porcelana.

A instalação de um pivô só é possível quando raiz pôde ser preservada com tratamento de canal. Dessa forma, a coroa dentária deteriorada é removida integral ou parcialmente e substituída por uma coroa protética, que imita forma de cor dos dentes naturais. Quando não é possível a preservar a raiz, é recomendado extraí-la junto com o dente e instalar um pino de implante dentário de titânio para substitui-la, e em seguida instalar a coroa protética sobre o implante.

Coroa

A coroa é uma peça protética que substitui um dente perdido, seja por acidente ou por deterioração por cárie. Ela imita ao dente humano em forma, função e cor. Pode fabricado em diferentes materiais sendo os principais a porcelana, o metal e a resina (no revestimento), e zircônia computadorizada ou metal (na estrutura interna). A coroa pode ser instalada sobre um pino, colada sobre um dente preparado (afinado) ou então fixada sobre um pino de implante de titânio. Além disso também existe a coroa parcial, uma peça que supre parte da coroa dentária quando esta se encontra com a estrutura parcialmente deteriorada.

Jaqueta

É o mesmo que coroa, porém um termo quase em desuso na odontologia atual. A origem da expressão jaqueta se deve pelo formato da coroa, que envolve o pino ou então o dente desgastado. Em caso de dúvidas sobre pivô, coroa e jaqueta, agende uma consulta ou então entre em contato conosco. Ficaremos felizes em atendê-lo.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Por que é preciso colocar um núcleo para fazer algumas coroas?

O núcleo, como o próprio nome já diz, é a parte interior da coroa protética e é necessário para dar mais resistência e durabilidade à peça. Se a coroa de porcelana fosse instalada sem núcleo, certamente ela não resistiria aos esforços mastigatórios e consequentemente não duraria por muito tempo.

Atenção para a diferença entre tipos de núcleo

Os núcleos dentários também são chamados de pinos, pinos de reforço, pino dentário, porém não se devem confundir pino intrarradicular com pinos de implantes. Núcleo, ou pinos de reforço dentário são colocados no interior de uma raiz com canal tratado x pinos de implante dentário são colocados no osso.

A coroa protética é indicada para substituição da coroa dentária que está severamente comprometida, normalmente por cárie ou então fratura. A primeira preocupação do profissional dentista é sobretudo verificar se é possível manter parte da coroa dentária e restaurar a porção perdida com obturação.

Quando isso não é possível, a coroa dental precisa se reconstruída por completo. Se a raiz dentária puder ser mantida com tratamento de canal, o núcleo poderá ser instalado dentro da raiz para dar suporte à coroa protética.

Tipos de núcleos de reforço dentário

O núcleo pode ser confeccionado em diferentes materiais: o metal, fibra, zircônia, sendo que cada um atende necessidades distintas. Os núcleos estéticos são geralmente indicados para coroas anteriores, já que essa região é muito evidenciada ao sorrir. Dessa maneira, o uso de núcleo metálico pode vir a comprometer a estética dental, por criar uma sobra escura na parte interna do dente.

A liga metálica é moldada diretamente no interior da raiz tratada. Em coroas anteriores (parte mais visível da arcada dentária), o núcleo mais indicado é sem dúvida é de zircônia ou fibra. Esse material possui coloração próxima aos dentes naturais e fica praticamente invisível dentro da coroa protética, ainda que em ambientes iluminados.

Os núcleos intrarradiculares são pré-fabricados e instalados no interior da raiz tratada. Vale ressaltar que também é possível utilizar o núcleo metálico nos dentes anteriores. Porém com o passar dos anos poderá ocorrer retração gengival e uma pequena linha do núcleo metálico poderá ficar exposta, o que certamente comprometeria a estética do sorriso.

Núcleo e coroa dentaria

A coroa protética podem ser feitas em diversos tipos de materiais diferentes . Entre os tipos de coroas dentarias estão a resina provisória (plástica com núcleo metálico) , porcelana (com núcleo metálico ou estético) e a coroa de zirconia. A coroa de porcelana é mais resistente e estética em relação à resina. Certamente a coroa de zircônia é a mais moderna e resistente de todas. Então veja mais sobre modelos de próteses dentárias clicando aqui.

Se você está com um dente comprometido pela cárie, procure um bom profissional dentista imediatamente. Além de estar correndo riscos para a sua saúde, a cárie sem dúvida também afeta a estética do sorriso. A coroa protética deixa o sorriso completo novamente e dessa forma a pessoa pode voltar a mastigar, falar e sorrir normalmente.

Certamente o ideal é sempre cuidar de forma preventiva, tratando sempre que for identificado um problema. Dessa forma, evitamos que o problema se agrave com a perda dental e necessidade de implante dentario. Portanto, visite o dentista regularmente para realizar sua profilaxia e controle.

Núcleo em material estético uma nova possibilidade

Com o desenvolvimento de novos materiais e técnicas computadorizadas, agora é possível também realizar núcleos dentários brancos. Um núcleo estético (sem metal) certamente favorece a estética em dentes anteriores. Conheça mais sobre núcleos estéticos nesta matéria. Esse tratamento você encontra na Clínica Odontológica ImplArt

A Clínica Dentária ImplArt possui equipe multidisciplinar que faz desde o tratamento de canal até a confecção da coroa protética e núcleo. Com um suporte tecnológico que sem dúvida deixa o seu tratamento mais rápido, cômodo e preciso. Em caso de dúvidas, agende uma consulta ou então entre em contato conosco. Ficaremos felizes em atendê-lo.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Prótese dentária fixa de porcelana sobre dentes com ou sem gengiva

A prótese dentária fixa de porcelana sobre dentes é indicada para restauração e reabilitação oral em pacientes em que é possível manter os dentes naturais, sem a necessidade de instalação de implantes dentários.

A prótese dentária fixa de porcelana sobre dentes é uma opção recomendada para restaurar e reabilitar a saúde bucal de pacientes que têm dentes naturais preservados. Essa técnica não exige a instalação de implantes dentários.

Como funciona a prótese dentária fixa de porcelana?

Os dentes são utilizados como base de sustentação da prótese, seja ela unitária (coroa de porcelana) ou em ponte.

A prótese dentária fixa de porcelana pode ser utilizada em casos de dentes naturais preservados, tanto de forma unitária como em ponte. Essa técnica não requer a instalação de implantes dentários. Os dentes naturais são utilizados como base de sustentação da prótese, garantindo a sua estabilidade. A prótese de porcelana é uma opção recomendada para restaurar e reabilitar a saúde bucal dos pacientes.

Veja algumas das situações onde esse tipo de prótese dentária fixa pode ser aplicada:

  • Restauração de dente danificado, mas com raiz preservada;
  • Restauração de dente com tratamento de canal prévio;
  • Substituição de grandes restaurações antigas e inestéticas;
  • Proteção/restauração de dentes fraturados;
  • Cobertura de dentes manchados ou despigmentados;
  • Melhoria da função mastigatória, estética e da fala.;
  • Correção de posicionamento de dentes (quando não se quer usar aparelho ortodôntico).

Por que a prótese precisa ter gengiva ?

No entanto, alguns desses problemas dentais ainda vêm acompanhados de falha gengival (defeitos de gengiva) e a prótese pode ser confeccionada com camada de gengiva artificial para corrigir ou suprir essas falhas. A principal causa de falha na gengiva é a doença periodontal avançada que deteriora osso de suporte dos dentes e consequentemente o tecido gengival.

atrofia ossea apos perda dentaria 50kb
Como ocorre a perda óssea vertical e horizontal e remodelamento gengival pela falta de dentes
prótese dentária fixa
A esquerda, exemplo de prótese que não necessita de camada de gengiva artificial, pois ainda há volume ósseo e formato gengival preservados. À direita, exemplo de perda óssea vertical acentuada e remodelação gengival (falta de arcos gengivais), portanto necessita de camada de gengiva artificial na prótese dentária fixa.
escala de gengiva cores 49kb
Exemplo de gabarito de cores de gengiva para prótese, de forma que imite a mucosa geral do paciente

Quais os materiais indicados para a prótese fixa em porcelana?

A prótese fixa de porcelana sobre dentes com camada de gengiva artificial (também pode ser feita em zircônia, cerâmica ou cerômero), consegue reproduzir diversos tons dos tecidos naturais humanos, conseguindo acompanhar o visual dos dentes e tecidos gengivais remanescentes.

A prótese com gengiva artificial também é uma alternativa ao paciente que não tem indicação para receber enxerto de tecido gengival, ou então que deseja um tratamento mais ágil.

Os materiais indicados para a prótese fixa em porcelana são porcelana, zircônia, cerâmica e cerômero. A prótese fixa de porcelana sobre dentes com camada de gengiva artificial consegue reproduzir diversos tons dos tecidos naturais humanos. Essa prótese é capaz de acompanhar o visual dos dentes e tecidos gengivais remanescentes. Além disso, a prótese com gengiva artificial é uma alternativa para pacientes que não podem receber enxerto de tecido gengival ou desejam um tratamento mais rápido.

Prótese dentária com gengiva: no sorriso não aparece

Quero fazer minha prótese sem gengiva, eu posso ?

Em geral para um paciente que perdeu muita gengiva e osso não será possível fazer uma prótese sem a camada de gengiva, por que?

  • A gengiva dá volume ao lábio e sem ela sua boca parecerá murcha (envelhecida)
  • Os dentes certamente ficariam longos, pois a gengiva é alta devido à perda óssea por atrofia.

Porém podem ser feitos testes de como ficará melhor, em suma investimos tempo nisso durante a fase de prótese provisória com carga imediata.

Como é feita a prótese com ou sem gengiva

  • Preparação do dente – o dente é desgastado até que se chegue a um formato específico. Essa forma, chamada de pilar, ajuda na retenção da prótese.
  • Molde – é retirado um molde sobre o pilar. Na Clínica ImplArt o molde pode ser feito convencionalmente (gesso) ou digitalmente através do escâner intraoral do Sistema Cerec. O resultado é uma peça protética personalizada para as necessidades de cada paciente.
  • Confecção da prótese – feita em porcelana, tem características similarmente aos dos dentes e gengivas naturais humanas. Na Clínica ImplArt, a confecção de prótese em porcelana pode ser feita com mais agilidade, até mesmo em atendimento Day Clinic, porque possui um laboratório de prótese dentária próprio.
  • Instalação da prótese – a peça protética, unitária ou em ponte, é fixada com cimento odontológico sobre o(s) pilar(es). 

Prótese em zircônia com gengiva

Sobretudo se você quer mais naturalidade na sua prótese pode ser interessante utilizar este novo material em seu trabalho. Trata-se de uma prótese sem metais em sua composição, o que a torna mais bonita e mais natural, além disso mais resistente. Sobretudo só pode ser construída com métodos computadorizados. Veja exemplos:

Em caso de dúvidas, agende uma consulta ou entre em contato conosco. Ficaremos felizes em atendê-lo.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Restaurações metálicas: quando substituir por porcelana ou resina?

É comum que as pessoas busquem o consultório odontológico para substituição de restaurações metálicas antigas por restaurações mais estéticas, com o intuito de melhorar o visual do sorriso.

Preocupação com a estética dental

Essa é uma preocupação natural, já que as amálgamas metálicas cumprem bem a função mastigatória e paralisam a deterioração dentária. Entretanto possuem coloração muito distinta dos dentes e ficam aparentes, mesmo instaladas nos dentes posteriores. As restaurações dentárias podem ser parciais (onlay, inlay, coroa parcial, restauração de dente fraturado) ou completas (coroa).

A restauração têm o objetivo de, primeiramente, devolver a função mastigatória do paciente, reforçar o dente e paralisar a deterioração geralmente ocasionada por cárie. O visual das restaurações até pouco tempo atrás não era uma grande preocupação. Nesse sentido, com o avanço das técnicas é cada vez maior o número de pessoas que também gostariam de restaurar seus dentes ou substituir restaurações antigas inestéticas por materiais mais naturais.

Saiba mais sobre prótese dentária computadorizada.

Hoje em dia, existem dois materiais utilizados em restaurações estéticas com características visuais similarmente aos dentes naturais: a porcelana e a resina composta. Visualmente e funcionalmente elas são muito parecidas, no entanto existem algumas vantagens da porcelana sobre a resina.

restaurações de metal
Restauração em amálgama metálica
restauracao em resina 40kb
Restauração em resina
onlay porcelana 37kb
Onlay em porcelana

A porcelana se sobressai à resina em vários aspectos, principalmente deles é a resistência e durabilidade. As restaurações em porcelana podem durar até o dobro do tempo se comparadas as restaurações em resina. Por esse motivo, as restaurações em resina não são aconselhadas para corrigir grandes deteriorações, já que elas podem fraturar com o tempo.

Em contraste com isso, a porcelana é indicada para restaurações maiores (quando o dente está muito danificado), pois elas suportam mais carga na mastigação. Com o passar do tempo, as restaurações em resina também são suscetíveis a manchar com o consumo de alimentos pigmentados (como café, chá, vinho, beterraba, etc) e do tabaco. Já as restaurações em porcelanas são altamente resistentes a manchas.

Como é a confecção

A forma de instalação também é diferente nos dois materiais. A resina é um composto plástico, que é misturado e colocado diretamente na cavidade do dente em que houve a deterioração. Antes da aplicação, região é bem limpa e preparada para receber o material que é moldado no formato dos dentes.

O endurecimento do material é feito pela exposição à uma luz especial de fotopolimerização. Já a porcelana é composta por cerâmica de dissilicato de lítio. A restauração em porcelana é previamente projetada em computador e esculpida em impressora 3D.

A peça fica com encaixe perfeito e então é cimentada no dente do paciente. A tonalidade pode ser reproduzida para acompanhar o restante do dente. O tempo de instalação é rápido nas duas técnicas*, algumas vezes podendo ser resolvidas em apenas uma visita ao consultório pelo Day Clinic.

Outra necessidade peculiar das restaurações em resina, é que elas exigem mais cuidado do paciente com relação à higienização oral e consultas preventivas ao consultório.

Sobretudo sem esses cuidados a chance de recidiva da cárie é maior do que nas restaurações em porcelana. Pode se concluir que a restauração dentária em porcelana é certamente melhor que a restauração em resina composta.

Porém nem sempre a escolha do material é uma decisão unilateral do paciente. Em muitas situações, o material é escolhido após uma avaliação feita pelo profissional dentista. Dessa forma decide junto com o paciente qual técnica pode ser mais benéfica para solucionar o caso e suas particularidades.

Conheça a Clínica ImplArt

*A Clínica ImplArt possui laboratório de prótese próprio, que em muitos casos permite que a restauração seja feita em Day Clinic. Consulte essa possibilidade com a nossa equipe.

Endereço e Contatos da ImplArt, considerada como a melhor clínica de estética de dentes no Brasil.

Rua Cincinato Braga, 37 – cj 112

Bela Vista – São Paulo/SP – Região da Av. Paulista

11 3262-4750

Escanear o código