Odontologia Clínica

Próteses Totais e Parciais

As próteses são peças confeccionadas com a finalidade de repor dentes ausentes e podem inclusive embelezar o seu sorriso. Existem dois tipos de Prótese as Totais e as Parciais.

As Próteses Parciais substituem um ou mais dentes. É bem aceita por alguns pacientes, mas normalmente é desconfortável. Devido à sua mobilidade em boca, a capacidade de mastigação não pode ser comparada à de uma Prótese Fixa. Está prótese é feita de plástico e tem uma estrutura com grampos de metal, o que afeta a sua aparência. É possível confeccionar uma Prótese Removível Provisória que não contém estrutura de metal, mas apresenta menor resistência e durabilidade.

As Próteses Totais (dentaduras) são aquelas que repõem todos os dentes de uma vez. Elas são feitas com dentes artificiais em resina e uma estrutura em um plástico muito resistente com coloração rósea, que imita a gengiva. A mobilidade da prótese pode promover feridas na boca algumas vezes o que torna o seu uso desconfortável. Na arcada superior exige o recobrimento total do palato. O uso de Próteses removíveis não interrompe a atrofia óssea, o que acontece somente com implantes. Uma atrofia muito acentuada pode inviabilizar a colocação posterior de implantes, ou tornar a prótese solta com o tempo.

As melhores alternativas para o uso de próteses são aquelas que envolvem implantes. Implantes dentários são uma excelente forma de solucionar a falta de dentes e problemas de mastigação. Consiste em raízes artificiais que são instaladas de forma muito simples, rápida e indolor, no osso maxilar para repor um ou mais dentes perdidos. Posteriormente é fixado um dente, buscando obter uma aparência natural.

Instalando uma nova coroa

Tópico(s) Relacionado(s): Enxertos, Arcada Completa e Próteses Fixas

Dúvidas Freqüentes(s): O que é a Cárie dental?